Eu assisti: Victoria

Victoria ITV

Estou em um momento em que as séries de época são as que mais me atraem, tendo tudo começado ano passado, quando assisti 5 temporadas da maravilhosa, divina e incrível Downton Abbey (<3). Como ainda não assisti a sexta e última temporada desta, fiquei um bom tempo sem assistir nenhuma série (como assim?) até que há duas semanas descobri mais uma série histórica britânica maravilhosa, divina e incrível produzida pelo canal ITV: Victoria.

E, de repente, você, aos dezoito anos, acorda rainha da Inglaterra...
E, de repente, você, aos dezoito anos, acorda rainha da Inglaterra…
... e proíbe sua mãe, alemã, de falar em alemão com você...
… e proíbe sua mãe, alemã, de falar em alemão com você…

Com um total de 8 episódios de cerca de 50 minutos cada e protagonizada por Jenna Coleman (Rainha Victoria) e Tom Hughes (Príncipe Albert), Victoria narra com graça e intensidade a acensão de Victoria ao trono britânico em 1837 e seus primeiros anos como rainha. A dificuldade no relacionamento com a mãe, a Duquesa de Kent, muito devido ao poder que o mordomo John Conroy exercia sobre a duquesa; as tramas ardilosas do Duque de Cumberland para minar o reinado da sobrinha; o grande afeto de Victoria pelo então Primeiro Ministro, o whig Lorde Melbourne; o casamento com o Albert of Saxe-Coburg and Gotha; a relação inicialmente conturbada com o parlamento e com o seguinte Primeiro Ministro, o tory Sir Robert Peel; a gravidez e a nomeação de Albert como regente em caso de morte da rainha durante o parto; o atentado contra a rainha; o nascimento da primogênita da rainha – todos fatos verídicos explorados e, claro, algo romanceados brilhantemente na série.

... e a coroa é pesada...
… e a coroa é pesada…
...para uma garota pequena...
…para uma garota pequena…
...que não hesitou em se empenhar para ser uma grande rainha...
…mas Victoria não hesitou em se empenhar para ser uma grande rainha…
... e não estava disposta a se dobrar a qualquer primeiro ministro...
… e não estava disposta a se dobrar a qualquer primeiro ministro…
... que não fosse seu querido Lorde Melbourne.
… que não fosse seu querido Lorde Melbourne…
...e sempre decidia por si mesma o que lhe seria melhor.
…e sempre decidia por si mesma o que lhe seria melhor.

Um dos detalhes, a propósito, que mais me chama a atenção na produção britânica é a preocupação com o figurino, a riqueza de ornamentos, a precisão histórica da indumentária das personagens. É impossível não se pegar deslumbrada com os tafetás, bordados, rendas e babados dos vestidos ou com as joias reais e com a maestria demonstrada na execução dos penteados das personagens, geralmente bem elaboradas tranças, cachos ou um misto de ambos. A ambientação de cenas internas também é belíssima, porém, quando se trata de grandes multidões à distância, tenho a impressão de que usam algum efeito meio tosco, como uma espécie de pintura encaixada à janela ou às varandas… É algo perceptível apenas quando se assiste, difícil de descrever em palavras… E acho lindo como a rainha frequentemente aparece andando a cavalo no side saddle, a sela para se montar de lado que as mulheres usavam até meados dos anos 1920 para montar de saias sem perder a compostura.

From ITV VICTORIA Episode Three Pictured: JENNA COLEMAN as Victoria This photograph is (C) ITV Plc and can only be reproduced for editorial purposes directly in connection with the programme or event mentioned above. Once made available by ITV plc Picture Desk, this photograph can be reproduced once only up until the transmission [TX] date and no reproduction fee will be charged. Any subsequent usage may incur a fee. This photograph must not be manipulated [excluding basic cropping] in a manner which alters the visual appearance of the person photographed deemed detrimental or inappropriate by ITV plc Picture Desk. This photograph must not be syndicated to any other company, publication or website, or permanently archived, without the express written permission of ITV Plc Picture Desk. Full Terms and conditions are available on the website www.itvpictures.com For further information please contact: Patrick.smith@itv.com 0207 1573044
This photograph is (C) ITV Plc and can only be reproduced for editorial purposes directly in connection with the programme or event mentioned above.

E uma coisa fofa é que, atualmente, Jenna Coleman e Tom Hughes estão namorando na vida real, o que faz deles um casal mais que adequado para ser shippado! <3 HAHAHA A química entre os atores é inegável e a atuação deles é irrepreensível, sobretudo a de Coleman, que consegue imprimir olhares simultaneamente doces e fortes ao viver a grandiosa monarca.

O casamento real <3
O casamento real <3

O que mais me encanta na série, contudo, é ver retratada uma época já tão distante mas tão fundamental para a história mundial. Victoria foi uma das rainhas a reinar por mais tempo (perdeu o posto recentemente para sua tetraneta, Elizabeth II) e em seu reinado o mundo experimentou um crescimento como jamais testemunhado até então. Foi a época da segunda revolução industrial, das máquinas a vapor, da expansão do comércio e dos domínios da Inglaterra. Ainda que a série não seja historicamente precisa em todos os detalhes de como se interrelacionam os personagens principais, não flagrei nenhum erro histórico até aqui e pelo que conheço a respeito do período. Gosto muito, aliás, de como criaram uma Victoria decidida, com uma personalidade forte, embora eu não possa afirmar se a verdadeira rainha era de fato assim, e apaixonada por sua nação, o que é indispensável a um grande monarca.

Para quem tiver o interesse, segue o trailer oficial da série com legendas não oficiais para o português. Eu recomendo FORTEMENTE a trama, que graças a Deus (e à ITV) voltará as telas em 2017 com sua segunda temporada! <3 <3 <3 Não vejo a hora!!

Thaís Gualberto

Economista & Escritora. 25 anos, apaixonada por ficção, música, política e coisas fofas. Aqui vocês terão resenhas e, principalmente, textos ficcionais escritos por esta que vos “fala”.

0

17 thoughts on “Eu assisti: Victoria

  1. Thaís, muito interessante essa série! Filmes, livros e séries de época não fazem muito a minha cabeça, mas essa parece ser tão delicada, tão bem feita e faz parte de uma fase tão importante da história mundial que até me interessei em assistir! Vou falar da série para a minha mãe, que AMA essa temática histórica! Aliás, saiu na Netflix uma série chamada The Crown, você já assistiu? Acho que você vai gostar.

    Beijo!




    0
    • Comecei a assistir The Crown ontem e estou simplesmente fascinada! Que série incrível! E de fato, Victoria é uma série extremamente delicada e não duvido de que gostaria dela mesmo não sendo uma grande fã de narrativas de época, pois é realmente incrível e narra a vida de uma grande rainha que de fato existiu…

      Beijos!




      0
  2. Diga-se de passagem que EU AMO SÉRIES ÉPICAS. (já dá pra chamar no chat haha). Eu comecei a assistir com minha mãe, e ainda estamos no segundo ep, porque ela não tempo muito tempo livre. Mas, ontem, assistimos The Crown, que conta a história de Sua Majestade, A Rainha Elizabeth II, em sua ascensão ao trono inglês. Eu tô amando tbm. Voltando à Victoria, também achei os efeitos de planos externos muito toscos, principalmente a frente do palácio de Buckingham. Tem tanta coisa para falar sobre. Um comentário só não dá!
    Beijão!




    0
    • Eu sei bem como é isso de esperar para assistir a série que a mãe também gosta porque ela não tem tempo haha Espero que você consiga logo terminar de assistir Victoria para conversarmos mais sobre ela, inclusive sobre os (d)efeitos especiais, cujo pior, de fato, é o do palácio! haha E, quanto a The Crown, comecei ontem e estou ENCANTADA!!! Que série divina!! <3
      Beijos!!




      0
  3. Sua cara esse tipo de série!
    Adorei o trailer! E eu gosto de séries/filmes que contam coisas que aconteceram mesmo! Sua resenha me conquistou! Só não vou dar uma chance agora porque ainda preciso assistir Downton Abbey!




    0

Comente!